COMO ATRAIR CLIENTES PARA SUA LOJA VIRTUAL

COMO ATRAIR CLIENTES PARA SUA LOJA VIRTUAL

imã atraindo moedas

Assim como uma loja física, manter uma loja virtual demanda investimento, que pode ser bem menor do que o necessário para montar um comércio na rua, por exemplo. Porém, assim como ocorre com lojas físicas, uma loja virtual sem clientes também começa a dar prejuízo.

A fim de reverter esse quadro e passar a atrair clientes para e-commerce, é necessário adotar algumas estratégias e ações para que o fluxo de pessoas aumente e, com isso, o número de vendas, resultando em maior lucratividade.

O marketing digital, porém, difere-se do marketing praticado em ambientes físicos, uma vez que a internet oferece algumas facilidades, como a possibilidade de segmentar melhor o público, e algumas dificuldades, como o não acesso imediato do cliente ao produto.

Por esse motivo, é preciso por em prática ações que visem explorar ao máximo o potencial da rede e, ao mesmo tempo, reduzir os obstáculos existentes nesse meio. O marketing digital, portanto, adota estratégias que são inerentes apenas a ele.

Dados importantes para definição das estratégias

De acordo com a pesquisa desenvolvida pelo SPC sobre Consumo Online no Brasil, nove em cada dez internautas, ao menos uma vez na vida, realizaram compras pela internet. Estes dados apontam como maiores vantagens a comodidade e os preços mais acessíveis.

Já as desvantagens mais lembradas pelos entrevistados foram o pagamento de frete (49% das respostas) e a impossibilidade de experimentar e levar o produto na hora (ambos com 42% das respostas).

Realizada pela Birdie, a pesquisa Hábitos de Compra do Consumidor Online também demonstrou que mais da metade dos consumidores já desistiram de compras online em virtude da falta de informações (ou clareza), pois isso mina a confiança do comprador.

Por fim, pesquisas do IBGE apontam que o acesso aos sites e conteúdos da internet, bem com a realização de compras, tem sido mais frequentemente realizado por meio de telefones celulares, os smartphones. No sudeste, essa taxa se aproxima de 95% dos entrevistados.

Saiba como fazer um bom marketing para lojas virtuais

Com todos os dados e informações em mãos, é preciso delinear as estratégias e a implementação do marketing digital, com objetivo de atrair mais clientes ao e-commerce. Por isso, algumas dicas são fundamentais:

  • Aproveitar as vantagens

O marketing digital permite uma segmentação mais complexa do público a ser atingido, especialmente por meio das redes sociais. Assim, é possível anunciar produtos e serviços apenas às pessoas que tenham interesse nele ou façam parte do seu público-alvo.

Ao fazer isso, as chances de vendas aumentam. Afinal, é possível anunciar uma casa, por exemplo, apenas a maiores de 18 anos, pessoas que trabalham, têm renda e que já pesquisaram sobre esse tema nos sites de busca.

Outra vantagem apontada pelos consumidores é o preço e a exclusividade. Por ser mais acessível manter uma loja virtual, é possível oferecer melhores descontos ou produtos exclusivos, importados e originais, que dificilmente seriam encontrados em lojas físicas.

Por fim, uma das táticas do marketing digital é o oferecimento de conteúdo de qualidade, por meio de textos, vídeos e imagens. Assim, o foco não precisa ser voltado diretamente à venda, pois esta será consequência da disponibilização de conteúdos relevantes.

  • Superar dificuldades

Dentre as dificuldades mais citadas estão o não acesso ao produto, o pagamento do frete e as informações mal dispostas, que desestimulam a venda e a confiança dos consumidores. Porém, todas elas podem ser superadas por meio da informação.

O não acesso ao produto pode ser solucionado por meio da publicação (no site da loja ou no blog) de vídeos explicando como ele funciona. Também é possível demonstrá-lo, compará-lo com outros similares e apresentar depoimentos de clientes, especialistas, etc.

Devem ser explicitadas informações relevantes para que o cliente não se decepcione (como sabor, textura, cor, aparência geral, medidas, tamanho, capacidade, peso, dentre outros). Quanto mais informação, mais confiante o consumidor irá se sentir e, com isso, efetivará a compra.

Com relação ao frete, é interessante disponibilizar opções com diferentes faixas de preço e datas de entrega, além disso, essas informações devem estar claras ao consumidor. Outra boa ideia é oferecer descontos no frete em compras casadas, por exemplo.

  • Adequar-se à realidade do consumidor

Se os consumidores acessam a internet e seus conteúdos, fazem compras e interagem mais pelo celular, é preciso adequar o site para versão mobile. Muitas vezes, a demora para carregar uma página é a responsável por fazer com que os internautas não permaneçam nela.

Por isso, é preciso voltar atenção à sua formatação e apostar em diferentes meios para divulgação dos serviços/produtos, tais como e-mail marketing ou programa de afiliados. Esse último merece atenção e algumas palavras.

O programa de afiliados consiste na divulgação dos produtos ou serviços de sua loja por terceiros, como influenciadores digitais. Em troca, eles recebem comissões ou uma porcentagem pré-determinada (previamente combinada) por venda ou acesso ao site da loja.

Já existem plataformas para que empresas e divulgadores se cadastrem; um nicho em expansão e com grande retorno. Logo, se você quer aumentar a lucratividade e o fluxo de pessoas na loja, dedique-se ao estudo do mercado e aproveite as oportunidades da rede.

Sobre o Autor

Redator administrator

Olá!
Como posso ajudar?
Powered by